ANJO DE GUARDA - PARTE I

Por Nádia de Iansã



Muitas vezes dentro de uma consulta, a entidade comunicante pede ao necessitado que faça determinada firmação para o seu anjo de guarda ou que peça para o mesmo protegê-lo. Acreditamos que o anjo de guarda possa ser qualquer espírito que em virtude de suas melhores condições pode nos auxiliar. O que muita gente confunde é anjo de guarda com entidade de guarda.

Anjo de guarda todos nós temos, sendo que entidade de guarda apenas os médiuns apresentam. Os guias geralmente nos ensinam como fazer preceitos ao nosso anjo de guarda. Geralmente dão ou pedem que você acenda uma vela e peça proteção a ele.

É de fundamental importância que você não se esqueça de "conversar" sempre com o seu "anjo".

Ele é quem está sempre mais próximo e que poderá te dar o primeiro socorro nas emergências. Também há confusão entre Anjo de Guarda e os Arcanjos que se costuma ouvir falar nos Centros (como por exemplo o Arcanjo Mikael ou Gabriel). Esses espíritos são de uma pureza elevadíssima e por isso comandam uma legião de espíritos que prestam assistência aos necessitados.

Muita gente também fica preocupada, pois em alguns locais falam que tal pessoa está muito mal, pois prenderam o seu "anjo de guarda".

Cremos que isso não exista - o que geralmente acontece é que você quando está com problemas baixa o seu vibracional e o "anjo de guarda" lhe dá inúmeros conselhos para você dar uma virada e você não consegue ou não quer escutar nada e nem acha que precisa se modificar.

Cada um é responsável por si mesmo e se não aceita conselhos, o teu protetor se afasta até que você novamente vibre dentro de um padrão que possa ser acessível a Ele.


Certa vez ouvi um ponto cantado que muito me marcou. Era aproximadamente assim:


"Anjo de Guarda,
Anjo que me Guia;
Firmai minha estrela;
Guiai nossa Gira"

Achamos que esse pequenino trecho tem muito significado e, apesar de não ser cantado em nossa Casa, sempre nos lembramos dele quando abrimos o trabalho.

Portanto, tenha sempre no teu Anjo de Guarda um amigo para conversar nas horas de

meditação.